Como Tirar Foto em Movimento

bicicleta em movimento

Você já tentou tirar uma foto em um jogo, do seu animal de estimação ou até mesmo da sua turma de amigos e percebeu que na hora de conferir a imagem se deparou apenas com um grande borrão?

Saiba que é possível tirar foto em movimento e ter imagens extraordinárias para serem mostradas ou até mesmo colocadas em seu portfólio. Não sabe como? Vamos te ensinar como realizar essa proeza.

Escolha a velocidade do obturador

A primeira coisa que você deve ter em mente é que é a velocidade do seu obturador que fará com que sua foto sai nítida e com o efeito que você deseja. Para conseguir a abertura ideal para sua foto é preciso que você teste a velocidade da própria imagem.

Quando o obturador é mais rápido que o próprio movimento a ser fotografado, mais ele congelará a imagem. Já quando mais devagar ele estiver, ou seja, se o tempo de abrir e fechar for menor, maior será a chance da imagem receber um rastro.

Saiba a distância ideal

Outro ponto que deve ser levada em conta é a distância entre a câmera e o objeto. Se você quiser aumentar a sensação de velocidade da foto o ideal é que essa distância seja a menor possível. Agora se você não tem muita habilidade com a câmera, fique em uma distância maior, assim conseguirá controlar melhor a imagem.

Foco

Se você tem a necessidade de deixar apenas um ponto em foco e o outro com a sensação de movimento é preciso primeiro que a imagem seja feita de um tripé. Depois escolha o foco da câmera e abra o obturador na quantidade certa.

Na hora de fazer o clique você verá apenas o foco da imagem nítida e todo o resto com um borrão que dará a impressão de que o objetivo foi colocado em um fundo conturbado, que deixa as fotografias ainda mais bonitas.

Agora que você já sabe como realizar uma fotografia em movimento, basta pegar sua câmera e seu tripé e escolher um objeto para servir como “cobaia” e aperfeiçoar ainda mais a sua técnica.

Antes de finalizar este post, eu quero indicar a leitura do artigo “Dicas NINJAS Para Congelar Movimento Nas Suas Fotos” escrito pelo fotografo Ricardo Polesso. Neste artigo o Ricardo mostra como ele conseguiu fotografar o momento exato a erupção de um Geyser Islandês. Vale a pena conferir o artigo!

Espero que você tenha gostado do artigo.
Até a próxima!

Você pode gostar...